Foz do Iguaçu: Cataratas do Iguaçu

Esse é um passeio inesquecível, a energia vibrante de tanta água corrente te proporcionará uma experiência única!
As cataratas fazem parte da divisa do solo brasileiro com o argentino, portanto uma parte se encontra em solo brasileiro, em torno de 20%, e outra parte em solo argentino, em torno de 80%.
O Rio Iguaçu forma 275 cachoeiras e dá origem ao nome desse bela fenômeno da natureza, suas quedas variam de altura entre 40 e 80m e tem um comprimento médio de 2.700m.  É muita exuberância de natureza, vida e energia!
Nos dois países existem parques, no Brasil o Parque Nacional do Iguaçu com acesso pela cidade de Foz do Iguaçu e na Argentina o Parque Nacional Iguazú, com acesso pela cidade de Puerto Iguazú. Não visitei o lado Argentino, mas com certeza deve ser um passeio adorável.

Você já está sabendo do Sorteio que está rolando? São 2 pacotes com 2 diárias de hotel + Iguassu City Pass. Clique no link para saber de tudo!

Vou falar sobre as minhas experiências: o parque brasileiro! O nosso parque tem uma infra-estrutura muito boa e não deixa nada a desejar.

DI EM FRENTE A ENTRADA DO PARQUE
DI EM FRENTE A ENTRADA DO PARQUE

Na entrada do parque existe o Centro de Visitantes onde são vendidos os tickets para a entrada no parque e lojas com souvenires do parque. Os tickets também podem ser adquiridos anteriormente pelo site oficial, onde você deve se cadastrar para poder adquirir os seus tickets. O link para a compra on-line é www.cataratasdoiguacu.com.br/tickets. O preço varia bastante dependendo da nacionalidade do turista, o mais em conta é para os brasileiros, depois para os moradores do Mercosul e o mais caro para os demais. O passe dá direito ao aceso e ao transporte dentro do parque.
Lá você também encontrará uma barraca que vende os passes para as variadas opções de diversão: o passeio de Helicóptero, o Macuco Safari, a Trilha da Banana, o Rappel, o Rafting e outros. Eu e o maridão optamos pelo Macuco pois nos informaram que era um dos mais divertidos. Mas se prepare, porque não é baratinho, quando fui em 2010 foi R$ 100,00.
No Macuco Safari você irá se molhar muito, mas ter uma experiência muito interessante. O passeio começa com uma trilha feita com um trenzinho que passa por áreas de floresta cheia de árvores nativas. Chegando na área de saída do Macuco pega-se um bote motorizado que chega bem próximo as quedas, podendo-se observá-las de um ângulo diferenciado, no nível baixo do rio. Além da vista, são feitas manobras radicais com o bote, muito emocionante. Recomendadíssimo!

TRENZINHO DO MACUCO SAFARI
TRENZINHO DO MACUCO SAFARI

CAMINHADA NO FINAL DA TRILHA
CAMINHADA NO FINAL DA TRILHA

DI AINDA SECA NO INÍCIO DO MACUCO
DI AINDA SECA NO INÍCIO DO MACUCO

BEM PRÓXIMO AS CASCATAS JÁ BEM MOLHADOS
BEM PRÓXIMO AS CASCATAS JÁ BEM MOLHADOS

MACUCO SAFARI VISTO DE CIMA
MACUCO SAFARI VISTO DE CIMA

ATENÇÃO: cuidado com sua máquina fotográfica, ela ficará muito molhada principalmente nos passeios que fazem uso de bote.

Após o macuco, fomos encaminhados para o mirante principal que é a área de concentração do início da passarela. Lá também encontra-se o Hotel Iguaçu, um resort que fica dentro do Parque, com uma arquitetura deslumbrante.

MOLHADOS DEPOIS DO MACUCO -  A CAPA NEM DEU CONTA HAHAHAH
MOLHADOS DEPOIS DO MACUCO -  A CAPA NEM DEU CONTA HAHAHAH

HOTEL IGUAÇU
HOTEL IGUAÇU

O passeio pelo lado brasileiro é feito por uma passarela panorâmica ao longo do cânion, que possui vários mirantes no percurso, e termina na base da Garganta do Diabo.  A Garganta do Diabo marca a fronteira entre os dois países é a maior queda das cataratas, com 150 m de largura, 82m de altura, 700m de comprimento e formato em U.
Esse passeio é uma caminhada bastante longa que se estende pelo comprimento das cataratas. Aproveite para tirar muitas fotos, pois as paisagens são fantásticas!

UMA DAS VISTAS DAS CATARATAS
UMA DAS VISTAS DAS CATARATAS

PASSARELA QUE ENCAMINHA ATÉ A GARGANTA DO DIABO
PASSARELA QUE ENCAMINHA ATÉ A GARGANTA DO DIABO

MIRANTE DA GARGANTA DO DIABO - MUITO DIFÍCIL DE BATER FOTO E OLHA QUE A VAZÃO ERA MÉDIA NA MINHA VISITA
MIRANTE DA GARGANTA DO DIABO - MUITO DIFÍCIL DE BATER FOTO E OLHA QUE A VAZÃO ERA MÉDIA NA MINHA VISITA

VISTA DO ELEVADOR PANORÂMICO
VISTA DO ELEVADOR PANORÂMICO

ATENÇÃO: as quedas são tão fortes e poderosas que mesmo que você esteja com a capa de chuva (recomendada), você ainda assim irá se molhar bastante.  

A passarela começa no alto e vai descendo aproximando-se base das quedas. No final você sobe para os níveis mais altos por meio de um elevador panorâmico e no final encontra uma lanchonete que fica cheia de curiosos quatis, mas cuidado que eles são famosos ladrõezinhos! hehehheh

QUATIS TENTANDO FAZER UMA BOQUINHA!
QUATIS TENTANDO FAZER UMA BOQUINHA!

Os passeios duram em média uma tarde ou uma manhã, mas é uma ótima opção almoçar no Restaurante do parque depois do seu passeio, o Porto Canoas, a comida é muito boa e você ainda tem belas vistas!
Um dado importante que deve ser levado em consideração na sua visita a Foz do Iguaçu é a vazão das cataratas. Pois se o nível estiver muito baixo do rio as quedas não estarão em todo seu esplendor, pois ficam mais seca,  e se estiver cheia demais as águas ficam muito fortes, aí que você vai ficar ensopado mesmo e muitas vezes sem conseguir enxergar direito. O bom é uma vazão mediana que você pode acompanhar por esse link www.copel.com/ger/iguacu/historico.  


MAPA DO PARQUE CATARATAS DO IGUAÇU - imagem retirada de cataratasdoiguacu
MAPA DO PARQUE CATARATAS DO IGUAÇU - imagem retirada de cataratasdoiguacu



DADOS IMPORTANTES :

Lado brasileiro:
Endereço: Rodovia das Cataratas (BR-469), km 15 – Foz do Iguaçu
Telefone: (45)3521-4400
Valor dos tickets (brasileiros): R$ 25,10 - adultos
R$ 7,50 – crianças entre 2 e 11 anos e idosos com mais de 59 anos
PS: Os valores são válidos para o acesso e transporte de ônibus no interior do parque.
Horários visitação: diariamente de 9:00 às 17:00hs
Horário do Restaurante: diariamente de 12:00 às 16:00 hs
Duração média do passeio: 2 à 4 horas
Cuidados Especiais:
1)        Proteger sua máquina dos respingos;
2)        Levar capa de chuva, se não for possível dá para adquirir no parque;
3)        Utilizar um sapato adequado, de preferencia tênis;
4)        Verificar a previsão de tempo, se estiver frio leve agasalhos para esse passeio, pois se molhando você vai sentir mais frio ainda;
5)        Passar filtro solar, você ficará exposto ao sol por um tempo longo.


Lado argentino:
Endereço: Ruta 12, km 5 - Puerto Iguazú – Argentina

CONVERSATION

6 Comentários :

  1. Respostas
    1. Olá Flávia, tudo bom?

      Eu não lembro direito, pois estive lá em 2009. Mas acho que foi no Glden Tulip, eu lembro que era bom, entretanto, o aquecedor fazia muito barulho, essa é uma lembrança que tenho bem forte.

      Beijos da Di.

      Excluir
  2. Olá, Di! Você foi em qual mês? Irei em agosto agora e não sei se é muito frio.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Ana! Tudo bom?

      Eu fui em Julho, estava bastante frio... Eu acho que em agosto é menos frio... Mas amei o frio!!!

      Beijos da Di.

      Excluir
  3. olá, diana. adorei seu blog. tenho viagem marcada para foz daqui a três semanas. ficarei por 4 dias. quero fazer umas perguntas, posso? hehhe
    sobre as cataratas , pagando apenas a entrada o visitante tem acesso às passarelas?
    paraguai : li os piores relatos possíveis sobre ciudad del este. qual foi a sua impressão? é um lugar horrível, onde vc será incommodado ou até assaltado em qualquer esquina, ou basta se ter os cuidados normais que já temos em nossas cidades ?
    abraços. parabéns pelo blog

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá querido! Tudo bom?

      Olha tem sim acesso total às passarelas, não tem acesso aos passeios, como Macuco Safari e outros, que são pagos a parte.

      Ciudad del Este é muito feia mesmo, os homens ficam cantando as mulheres, mas não achei que poderia ser assaltada não. Só recomendo que compre em lojas grandes, pois nas pequenas eles são espertinhos e querem enrolar as pessoas... Mas vale muito a visita parta compras!

      Beijos da Di.

      Excluir

Volte
p/ topo