Versailles – França: Le Petit Hameau! (autora Monica Barros)


Existe um lugar dentro de um reino que mais parece saído de histórias de conto de fadas. É tão encantador que até mesmo uma rainha muito famosa o escolheu como morada ao invés do requintado palácio onde reinava. Esse lugar é conhecido como o Petit Hameau de Marie Antoinette, em Versailles, França.

O Hameau de la Reine, ou a Vila da Rainha, é uma área localizada perto do Petit Trianon, o pequeno palácio presenteado a Marie Antoinette pelo seu marido, o Rei Louis XVI, que por sua vez ficava a poucos quilômetros do Palácio de Versailles. Toda a área que vai do Trianon, passando pelos jardins até essa vila é chamada de Domaine de Marie Antoinette, pois era nessa região que a Rainha da França realmente gostava de passar seus dias.
 
Entrada para os Domínios da Rainha
Entrada para os Domínios da Rainha

Maria Antonieta foi a rainha mais famosa e polêmica da França. De origem austríaca, ela saiu do Palácio de Schӧnbrunn em Viena aos 14 anos para se casar com o príncipe da França. Foi jogada aos leões da corte de Versailles, a mais cheia de pompa, requinte e regras rígidas de etiqueta da Europa. Todo e qualquer gesto de Maria Antonieta era meticulosamente controlado e observado pela nobreza. Para a menina nova que veio de uma corte relativamente simples, guardadas as devidas proporções, foi um choque. Quando ela fez 18 anos seu marido assumiu o trono do país. Em 1774 a austríaca (como era chamada com desdém pela nobreza) se tornou então Rainha da França e a pressão da corte só piorou.

Retrato de Maria Antonieta no Petit Trianon
Retrato de Maria Antonieta no Petit Trianon

Numa tentativa de espaçar dos olhos de todos e de tanta cerimônia, ela se refugiou no Petit Trianon (originalmente feito para Madame de Pompadour, amante do Rei Louis XV), um pequeno e delicado palacete a cerca de 2km do Palácio de Versailles. Na extensão de seus jardins, ela encontrou no Petit Hameau o lugar ideal para viver uma vida simples e ligada a natureza.


Trenzinho que leva as pessoas nos locais dentro de Versailles
Trenzinho que leva as pessoas nos locais dentro de Versailles

De acordo com a tendência da época, esse retiro foi construído seguindo a linha naturalista inspirada pelos escritos de Rousseau, influente filósofo francês. Ele dizia que era preciso voltar às raízes, viver uma vida mais simples e ter contato com a natureza. Maria Antonieta se encantou pelo local, que na verdade era uma fazendinha cheia de bichos, laguinhos, um pequeno moinho, plantações, jardins rústicos e, claro, um local privado para a Rainha onde ela podia relaxar e encontrar seus amigos mais íntimos. Dessa forma, a rainha tinha a sensação de estar vivendo no campo, e não dentro da opressão de Versailles. Aquele era seu pequeno paraíso.

Um sonho de lugar!
Um sonho de lugar!

Lago da fazendinha
Lago da fazendinha

Belos cisnes em um dos lagos, em posição perfeita para os apaixonados!
Belos cisnes em um dos lagos, em posição perfeita para os apaixonados!

Muitos bichinhos, as crianças adoram!
Muitos bichinhos, as crianças adoram!

Lindas casinhas por toda parte
Lindas casinhas por toda parte

Rustico encantador
Rustico encantador

Pontezinha do Hameau
Pontezinha do Hameau

Lindas lavandas espalhadas pelas fazendinha
Lindas lavandas espalhadas pelas fazendinha

Toda a corte foi abandonada após a Revolução Francesa. Durante a revolta do povo, Maria Antonieta foi obrigada a sair de seu precioso refúgio e ir para Paris, onde ficou presa primeiro nas Tuileries e depois na Conciergerie. Ocupando uma minúscula cela onde um soldado a vigiava 24 horas por dia, ela foi proibida de ver seus filhos e marido, que em pouco tempo seria decapitado. A austríaca, que foi do auge ao declínio na França, saiu de sua cela direto para a guilhotina em 1793 aos 37 anos, e assim se tornou uma lenda.

Em 2006 essa área foi aberta ao público e o Hameau foi renovado nos anos 90 para visitação do público. Grande parte dos turistas desconhece essa atração. Mas vale muito a pena visitar para ver o contraste entre a opulência de Versailles e a simplicidade dessa fazendinha, e se encantar com essa linda área que mais parece um jardim encantado. 













POSTS SOBRE ASSUNTOS RELACIONADOS:

                           - CERVEJA ARTESANAL POR RUGERO
                           - O QUE FAZER EM AMSTERDAM! (GUIA)
                           - TOMADAS E VOLTAGEM NA EUROPA!
                           - COMO SE LOCOMOVER PELA EUROPA!
                           - O QUE FAZER EM MUNIQUE! (GUIA COMPLETO)
                           - A FELICIDADE É AZUL E SE CHAMA SANTORINI!
                           - IOS: UM PEDACINHO DO PARAÍSO!
                           - ROTEIRO TURÍSTICO DE AVEIRO
                           - ROTEIRO TURÍSTICO DE GUIMARÃES
                           - ROTEIRO TURÍSTICO DE PENICHE - A TERRA DO SURF
                           - ROTEIRO TURÍSTICO PELA ILHA DA MADEIRA
                           - ROTEIRO TURÍSTICO POR LISBOA
                           - ROTEIRO TURÍSTICO PELO ARQUIPÉLOGO DE AÇORES

CONVERSATION

4 Comentários :

  1. Ficou muuuito lindo! Que casinhas mais fofas! Eu quero! Amei! Como sempre minha amiga arrasou! Bjs

    ResponderExcluir
  2. Aiiii brigadinha Fabi! Esse lugar é um encanto mesmo, vc ia simplesmente amar!!!!!!!!! É a sua cara, tem bichinhos, flores, lavandas, casinhas fofas e laguinhos rsrs
    Bjoss

    ResponderExcluir
  3. Monica,

    é um prazer imenso ter você colaborando com o meu blog!

    Espero ter você mais vezes por aqui para nos enriquecer com as suas experiências!

    Beijos. Di.

    ResponderExcluir
  4. Certamente vou colaborar sempre que você quiser! Os textos aqui parecem ganhar destaque, ficam tão bonitos com o design do seu blog! Adoro ver minhas fotos publicadas aqui :-D

    Beijos!!!!!

    ResponderExcluir

Volte
p/ topo