As Igrejas de Paraty!

Paraty, essa bela cidade cheia charme carrega um peso histórico e cultural muito grande! Desde a preservação das pedras das suas ruelas, os famosos “pés-de-moleques”, até as tradicionais fachadas das casinhas e as igrejas da cidade.


A religião é muito importante na história, e no caso do Brasil a influência religiosa trazida pelos portugueses foi a católica. Muitas cidades e vilas cresceram em torno de igrejas, não foi diferente em Paraty,  que foi fundada em 1667 no entorno da Igreja de Nossa Senhora dos Remédios, conhecida também como Igreja da Matriz.
No Brasil Colonial, as igrejas eram construídas para atender as classes sociais e cada uma delas atendia essa função.


1) Igreja de Nossa Senhora dos Remédios
A Igreja de Nossa Senhora dos Remédios é a maior igreja de Paraty e fica localizada na Praça da Matriz, onde a maioria dos eventos da cidade acontecem.
O terreno onde foi construída a primeira capela 1646, foi uma doação e essa pequena capelinha foi executada em pedra e cal. Em 1668 a mesma foi demolida para que uma outra maior fosse construída, mas ainda assim essa teve que ser expandida e em 1873 foi entregue a igreja como é conhecida atualmente, mas não foi possível executar todo o projeto inicial, ficando inacabadas as torres e o fundo da igreja. Com uma arquitetura em estilo neoclássico.


Essa igreja era destinada ao público de brancos populares e a quantidade de vezes que teve de ser ampliada mostra quão tamanha era a fé do povo da época.
É permitida a visitação e é cobrada taxa de R$ 3,00 por pessoa, para maiores detalhes leia no site de Paraty.

Endereço: Praça da Matriz
Horário de Visitação: segunda à sexta, das 9:00 às 12:00hs e das 13:00 às 17:30hs.
aos sábados,  das 8:00h às 12:00hs e de 13:00 às 16:00hs


2) Igreja de Santa Rita
Localizada na frente do cais do porto de Paraty é um dos principais cartões portais da cidade.
Foi construída em 1722 pela Irmandade dos de Santa Rita dos Pardos Libertos, de pedra e cal para atender a classe dos mulatos.
O conjunto, composto de igreja, consistório, sacristia, cemitério e pátio ajardinado é construído de pedra e cal.


Atualmente a igreja está em reforma e fechada para visitação. 

Endereço: Largo de Santa Rita, s/n


3) Igreja de Nossa Senhora do Rosário e São Benedito
Localizada bem em meio ao centrinho histórico, na Rua do Comércio, essa pequenina igreja tem o seu charme. Construída em 1725 para receber os negros.  


Em novembro acontece a Festa dos Santos com missa, procissão, ladainhas e celebrações tradicionais como as figuras do Rei e da Rainha, as Folias e o mastro com as imagens dos santos.

Endereço: Rua do Comércio no entroncamento com a rua Samuel Costa.


4) Igreja Nossa Senhora das Dores
Para mim o maior destaque dessa igreja, além da sua localização, de frente para a Bahia de Paraty, é a cor, toda branquinha. Diferente das outras que misturam outros tons de cores, essa mantém o branco como a cor realmente dominante e chama a atenção de longe.


É a igreja mais recente, tendo sido construída em 1800 por mulheres da aristocracia, para que a branca pudesse freqüentá-la.
O galo na torre é uma das características marcantes da arquitetura portuguesa.


CONVERSATION

2 Comentários :

Volte
p/ topo