Europa – Harry Potter, J. K Rowling e Portugal: uma combinação mágica

Conheça algumas inspirações da autora vindas direto das terras lusitanas

A saga do bruxo mais famoso do mundo, escrita pela autora J. K. Rowling foi um marco na história da cultura pop. Porém, o enredo que encantou o mundo possui uma série de referências a Portugal, pois Rowling morou no país entre 1991 e 1993, retirando inspirações que vão desde os nomes de personagens aos trajes acadêmicos utilizados pelos estudantes há séculos.


Os universitários portugueses vestem um uniforme peculiar, um dos maiores símbolos da tradição universitária em Coimbra: uma longa capa preta, gravata, camisa social, calças para os homens e saias para as mulheres. Esse visual pitoresco para a atualidade fez com que a escritora incorporasse diversos desses elementos nas roupas dos alunos da escola de bruxaria de Hogwarts, tanto nos livros quanto nos filmes. Já em Portugal, é possível vê-los no campus da Universidade de Coimbra, onde são usados até os dias de hoje. Vestir a capa e a batina de uma das universidades mais antigas do mundo é sinônimo de prestígio.



Utilizados desde o século XV, esses uniformes sofreram várias alterações com o passar do tempo, tornando-se um ponto de curiosidade, que chama a atenção dos turistas e atrai os olhares dos fãs de Harry Potter. É comum ver os visitantes tirando fotos com os estudantes, que vestem as tradicionais peças com orgulho.


Com mais um toque de criatividade, Rowling utilizou também parte da história de Portugal para incorporar em um dos personagens. O bruxo da era medieval Salazar Slytherin – um dos quatro fundadores de Hogwarts – foi inspirado no ditador António de Oliveira Salazar, que governou o país entre 1932 e 1968, inserindo traços da personalidade do próprio António em Slytherin.

Mesmo após 20 anos do lançamento do primeiro livro, a saga Harry Potter está longe de ser esquecida, tendo as terras lusitanas como uma das principais fontes de inspiração e atraindo fãs do mundo inteiro.



Sobre o Centro de Portugal
A mais charmosa região portuguesa é cheia de destinos populares: Aveiro, Coimbra, Viseu, Nazaré, Óbidos, Tomar, Fátima e tantos outros. Suas belezas se estendem por todo o território - ocupado por 2,3 milhões de habitantes que têm o dom de bem receber. O Centro de Portugal possui inúmeros patrimônios da UNESCO, um litoral que é um paraíso do surfe, aldeias históricas, gastronomia riquíssima, vinhos inesquecíveis, natureza exuberante e muita cultura, que se somam a incontáveis motivos para uma visita. A principal cidade, Coimbra, está a apenas 200 quilômetros de Lisboa e a 135 quilômetros do Porto.

CONVERSATION

0 Comentários :

Postar um comentário

Volte
p/ topo